Warning: session_start() expects parameter 1 to be array, string given in /home/sindicem/www/wp-includes/class-wp-hook.php on line 286
Alerj aprova reajuste para o piso regional - SINDICEM
Voltar a notícias

Alerj aprova reajuste para o piso regional

Deputados estaduais aprovaram reajuste de 3,75% (percentual correspondente ao IPCA do ano passado) para o piso regional fluminense de 2019. Os novos valores são retroativos aos salários de janeiro, conforme a votação na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), ontem (26/02). Emenda que afasta a incidência da lei aos menores aprendizes foi aprovada.

Segundo o empresário Sergio Yamagata, diretor-presidente do Sindicem (Sindicato das Indústrias da Construção, Engenharia Consultiva e do Mobiliário de Niterói a Cabo Frio), a Firjan se empenhou durante os debates sobre o assunto a buscar a melhoria da competitividade do estado.

“Foi priorizado o debate técnico a respeito do piso. E foram apresentados ao Colégio de Líderes da Alerj dados mostrando a necessidade de criar condições para que o Rio atraia investimentos e possa entrar em um novo ciclo de crescimento econômico”, destaca ele, que também é presidente do Conselho Estadual de Trabalho e Renda (Ceterj) – órgão que reúne representantes do governo, trabalhadores e empresários.

A proposta inicial do governo previa a manutenção do piso regional sem reajuste até 31/12/2020. Representado pelo seu líder na Alerj, deputado Márcio Pacheco (PSC), o governo acabou concordando com a aplicação do reajuste.

Um avanço foi a exclusão do mesmo piso profissional para o menor aprendiz, segundo Flavia Ayd, gerente de Defesa de Interesses Coletivos da federação. “Era um pleito antigo da Firjan. Como não havia nenhuma ressalva, o empregador tinha que pagar o mesmo valor de um profissional ao menor aprendiz”, ressalta.

Fonte: Firjan